Where is my mind

sábado, janeiro 04, 2014

Estive debatendo entre postar ou não postar por algum tempo e agora... Cá estou. É um pouco difícil compartilhar certas coisas mas uma certa pessoa  tem me encorajado a fazer isso.


Sempre soube que minha mente tem o super poder de duplicar, até triplicar as dimensões das coisas. Me descabelo com facilidade em diversas situações, choro a toa, me abalo... Isso tudo sempre fez parte de mim e era algo com que lidava relativamente bem. Sabe, naquela hora em que acho que tudo é culpa minha, ou tudo o que faço parece errado, eu paro, respiro e penso que talvez esteja exagerando no meu julgamento.

Mas por algum motivo, de uns tempos pra cá, pareço ter perdido a capacidade de diferenciar as coisas que são verdadeiras e as distorções que saem da minha cabeça. Eu tento parar, respirar, como sempre fazia, e na realidade alguma parte de mim sabe o que é real ou não, mas eu simplesmente não consigo me livrar daquele sentimento insistente quando ele aparece.


...Mas tenho tentado! Sim eu tenho. Não dá pra me enfiar no quarto e ver tudo passando (apesar de sentir vontade de fazer isso várias vezes), . Procuro ocupar minha cabeça com coisas de que gosto. A faculdade está para recomeçar. As aulas de Aikido também. Sem falar que não quero ver as pessoas que estão próximas a mim se preocupando e passando por situações chatas como essa. Porém senti que talvez me fizesse bem desabafar. Praticar um pouco essa coisa de "se abrir", ando meio enferrujada nisso.

Desculpem pela postagem tão pra baixo logo no início do ano. Espero ter coisas boas para contar bem em breve!





You Might Also Like

6 comments

  1. MUDOU O THEME E FICOU DIVO *le eu sambando de alegria*

    ~ se recompoe~

    .. eu sinto a mesma coisa. minha transição de ano foi bem complicada. briguei com minha mãe e passei longe de casa, foi coisa boba, eu podia ter evitado ( e ela também ). meu namorado foi comigo, passei na casa de uma amiga. foi dificil, chorei, admiti meus erros, estou tentando mudar, melhorar e amadurecer forçadamente.

    minha maior dificuldade é aceitar que o mundo além da minha redoma de vidro e que nem tudo vai ficar do jeito que eu quero ou como eu espero que fique.

    FOÇA! ... pra nos duas. sei que você vai superar isso tudo. saiba que tem alguem na torcida aqui pelo seu bem estar e sucesso!

    doce far niente

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada querida! Tenho precisado bastante de apoio e fico feliz de saber que estará torcendo por mim! Desejo força e que tudo dê certo para você também, vamos superar isso tudo ^^
      Beijos

      Excluir
  2. Oie... Todo mundo já teve a vontade de se enfiar no quarto só esperando as coisas passarem! Espero que logo vc volte ao "normal"...

    Kiss

    ResponderExcluir
  3. Cara...jurava,jurava mesmo que tinha comentado aqui!
    O_O Que merda!

    Paula, você como sempre, se pressiona demais!
    Pra quê tanta pressão assim,menina?xD
    Vc põe toda a pressão e cobrança do planeta nas suas costas e no final isso acaba ficando tão pesado que você nem se move!
    Dificuldades sempre vão existir, mas superestimar isso só vai tornar vc uma pessoa estática.
    Tenta se libertar...deixe sua mente voar!
    Use a fantasia e a criatividade ao seu favor.
    E como fala aquele meme do facebook: "Foda-se essa merda toda!"
    Tudo vem no devido tempo.
    Não adianta dar murro em ponta de faca.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É você tem razão!!! Estou tentando pensar dessa forma. As vezes fica difícil mas eu tenho tentado :3 Obrigada!!!

      Excluir

Subscribe